sábado, 14 de setembro de 2019

A quinta estação

"Em cada lado do rio está a árvore da vida, que dá doze frutas por ano, isto é, uma por mês. E as suas folhas servem para curar as nações." Apocalipse 22:2

Dentro de uma semana, teremos a estação das flores.
Aqui, o tempo já está mais quente e aguardamos as primeiras chuvas que acompanham a estação.
Por enquanto, a atmosfera está com uma baixa umidade que dá muita sede e marca a pele com rachaduras.
A Bíblia nos fala de outra estação, que sucederá as que vivemos em nosso planeta. Toda a história bíblica aponta para o surgimento da quinta e última e definitiva estação - aquela em que as folhas não murcham, em que as folhas não caem, em que o brilho do sol é constante, porque o brilho será do próprio Deus, o Sol da Justiça.
Conta-nos a Palavra que um dia Jesus virá e restaurará o planeta, a Jerusalém celestial descerá e Deus habitará conosco, restabelecendo o Éden, que deixou de existir na terra.  A primavera, que para nós é a quarta estação do ano, é linda, mas a estação do Éden é insuperável.
Nessa época, não haverá mais mal ou tristeza, estaremos para sempre felizes, poderemos nos ocupar de plantar e colher sem nos cansarmos.
Hoje o planeta e as pessoas sofrem, sob o peso de muitas dores, maldade e devastações. Na estação eterna, isso não existirá e o descanso, paz e alegria serão eternos. 
Oramos a Deus: que estejamos nessa estação, para viver para sempre com nosso Criador e Salvador num tempo de paz, amor e harmonia eterna.


Em setembro de 2011, comecei a divulgar mensagens firmadas na Palavra por este blog, que neste mês completa oito anos. Fico feliz por sua visita e comentário!


sábado, 24 de agosto de 2019

Conhecimento e sabedoria

"Portanto, ponham em primeiro lugar o Reino de Deus e aquilo que Deus quer, e ele lhes dará todas essas coisas." Mateus 6:33
 
Lendo um capítulo da Bíblia todas as manhãs, chegamos ao livro de Reis e à história de Salomão, que sucedeu o rei Davi, no tempo áureo dos hebreus.
Deus se comunicou com ele, ao iniciar seu reinado e ofereceu-lhe o atendimento a um pedido (I Reis 3). Salomão não pediu riquezas, mas pediu a sabedoria inspirada do alto. 
Ao presenciar duas formaturas de pessoas próximas neste mês, lembro do pedido de Salomão. O conhecimento das melhores faculdades precisa ser acrescido da sabedoria do alto. É a sabedoria divina que leva o bom profissional a guiar seus passos no Caminho da inspiração do Céu. 
Salomão julgou o povo com discernimento e justiça, construiu um templo maravilhoso para Deus, que abençoou aquele santuário. Teve ainda muitos palácios e sua sabedoria foi divulgada entre todos os povos contemporâneos. Daí a visita da rainha de Sabá para visitá-lo. 
A percepção de que há um Deus Criador, a quem devemos adoração, a inspiração do Espírito em nossa vida, o desejo de agradecimento em cada manhã, isso nos faz felizes e acrescenta vida a nossos dias. 
Que sejam felizes os jovens formandos. Que suas carreiras sejam inspiradas pela sabedoria divina!

quinta-feira, 18 de julho de 2019

Amizade

"Ao que está aflito devia o amigo mostrar compaixão, ainda  ao que deixasse o temor do Todo Poderoso." Jó 6:14

O versículo se refere à amizade de uma forma diferente. Fala inicialmente de mostrar compaixão ao amigo em momentos difíceis. A amizade deve continuar em momentos alegres ou tristes, de festa ou de solidão. 
Menciona ainda que a amizade não é restrita aos que têm as mesmas escolhas que nós. Assim, nosso carinho se estende além das classes e além das crenças dos amigos, sejam religiosas ou políticas ou esportivas ou outras.
No dia 20 de julho, comemoramos o Dia Internacional da Amizade. A todos os nossos amigos estendamos nosso abraço, sem barreiras.
Jesus é nosso amigo, e estende seus braços a todos os homens. Somos todos convidados a ser amigos especiais do Salvador, mesmo os que estão ainda longe do Senhor. 

quarta-feira, 10 de julho de 2019

Multiplicam-se os dias

Porque por meu intermédio multiplicam-se os teus dias; e anos de vida se te acrescentarão. Provérbios 9:11

Este é o mês do meu aniversário e então é uma ocasião especial para dar graças a Deus pela vida.
Sei que Deus é nosso criador e mantenedor. Ele criou o homem neste planeta e o tornou agradável para que vivêssemos aqui. Então podemos agradecer pela árvore, pela flor, pela montanha e pelo mar que contemplamos.
O Senhor nos dá dias agradáveis contemplando a natureza que nos deu, embora não tenhamos mais um Jardim do Éden.
Temos ocasião de agradecer por nosso cônjuge, por nossos filhos e netos que Deus nos dá ocasião de termos conosco. Ainda hoje Deus provê uma família para nós para que não estejamos sós.
Provê também nosso sustento, como faz com as flores do campo e com as pequenas aves.
O Senhor nos dá vida e saúde a cada novo ano, a cada novo dia. É sempre momento de buscá-lo e render-lhe graças.

domingo, 9 de junho de 2019

Uma história de amor

"Assim, tomou Boaz a Rute, e ela passou a ser sua mulher (...)"

Neste trimestre, estamos estudando sobre a família, creio que devido ao mês da família - que é maio.
Em junho, no dia 12, comemoramos aqui o dia dos namorados. Lembrei a propósito de uma linda história de amor, que se encontra na Bíblia.
É também uma história de recomeço, porque a protagonista havia ficado viúva. É também uma história de uma mulher estrangeira recebida noutro país, porque Rute era moabita e havia ido a Israel junto com sua sogra Noemi, a quem prometeu acompanhar e ajudar. 
As duas mulheres chegaram na terra e, como era costume, Rute foi ajuntar espigas no campo, pois a lei era que as espigas que caíssem ficariam para os pobres. Por acaso, chegou ao campo de um parente - Boás. Este a favoreceu, sugerindo aos empregados que deixassem cair mais espigas.
Rute contou o fato a sua sogra e esta lembrou de outra lei em Israel - o parente mais próximo deveria casar com a viúva para resgatar o nome da família, gerando descendentes. Noemi, desejando a felicidade de Rute, orientou-a a continuar indo ao campo de Boás e revelar a história após uma festa que haveria.
Rute achou o lugar onde Boás estava dormindo e ficou a seus pés, esperando que acordasse. Nesse momento, revelou a ele quem era. Ele revelou que havia outro resgatador mais próximo e foi falar com ele. Contou que, se quisesse adquirir as terras de Noemi - que haviam sido de seu marido - para que ficassem na família, teria também de casar com Rute. Então aquele homem desistiu do seu direito em favor de Boás.
Boás amou Rute e casou com ela e assim Noemi também voltou a ter dias felizes, com o nascimento de um neto - Obede. Obede é o pai de Jessé, pai de Davi, o maior rei de Israel.
Rute foi bisavó de Davi, e Noemi sua tataravó. Assim, Rute é também uma das antepassadas de Jesus.
Deus guiou a vida de Rute e a de Noemi e lhes concedeu dias felizes, na sua volta e recomeço.

 

quinta-feira, 9 de maio de 2019

Dia das Mães

"Os seus filhos a respeitam e falam bem dela, e o seu marido a elogia." Provérbios 31:28

Vou tentar resolver as atividades que conferi aos alunos - adaptar as palavras do autor de Provérbios a sua própria mãe ou a alguém que desejassem homenagear no Dia das Mães.

"Está sempre ocupada, fazendo roupas de lã e linho."
"Ela se levanta de madrugada para preparar comida para a família e para dar ordens às empregadas."
"É esforçada, forte e trabalhadora."
"Ajuda os pobres e necessitados."
"É forte (...) e não tem medo do futuro."
"Fala com sabedoria e delicadeza."
"Ela nunca tem preguiça e está sempre cuidando da sua família."
"Os seus filhos a respeitam e falam bem dela, e o seu marido a elogia.
Ele diz: Muitas mulheres são boas esposas, mas você é a melhor de todas.
A formosura é uma ilusão, e a beleza acaba, mas a mulher que teme o Senhor Deus será elogiada."
(Provérbios 31)

Minha versão, que dedico a homenagear todas as mães:

Sempre tem alguma coisa para fazer em casa.
Levanta cedo para ajeitar as crianças para irem à escola e deixar tudo no lugar antes de ir para o serviço.
É forte e consegue resolver os problemas, com a ajuda de Deus.
Dá sempre um auxílio no que pode quando alguém pede, até mesmo no dever de casa.
Sua voz é música para o coração das crianças.
Mesmo que esteja doente, dá um jeito de atender às atividades de que a família precisa.
É a heroína de seus filhos. Eles só falam bem dela. Seu marido a ama e a chama de a melhor mãe e esposa. É uma mulher cristã que teme a Deus.

Que assim seja na vida de todas nós, mães!




sábado, 13 de abril de 2019

A chama da ressurreição

"Não parecia que o nosso coração queimava dentro do peito quando ele nos falava na estrada e nos explicava as Escrituras Sagradas?" Lucas 24:32

No capítulo 24, o evangelista Lucas conta o encontro de Jesus com dois discípulos após a ressurreição.
Iam eles pela estrada de Emaús, muito tristes após a crucifixão e conversando sobre isso. Aproximou-se um estranho e perguntou sobre que estavam falando.
Contaram a história e o estranho passou a falar sobre as Escrituras e sobre as profecias que falavam sobre Jesus e sobre a sua morte.  
Num momento, abriram-se os olhos dos discípulos e reconheceram Jesus, então o Mestre desapareceu.
Correram de volta a Jerusalém para contar a história, após pronunciarem as palavras do versículo, mostrando a alegria que sentiam ao ouvir a voz de Jesus, mesmo sem o reconhecerem. 
Hoje há uma igreja nas cercanias do lugar em que esses discípulos se encontraram com Jesus ressuscitado.
A mensagem da ressurreição nos aquece e alegra, porque é mensagem de vida e esperança. Porque Cristo ressuscitou também há para nós alegria e salvação.
Alegremo-nos ao celebrar a próxima Páscoa, marco da vitória de Jesus sobre a morte.