domingo, 31 de dezembro de 2017

De eternidade em eternidade

"Bendito és tu, Senhor Deus de Israel, nosso pai, de eternidade em eternidade." I Crônicas 29:10

Contamos nosso tempo em dias, meses, estações, anos.  Nosso Deus é eterno e o tempo na eternidade não se conta.
No entanto, o Senhor nos conhece, acompanha e sabe de nossa necessidade de medir o tempo para acompanhar a passagem da vida.
Podemos confiar na eternidade de Deus e no seu amorável olhar para seus filhos.
Podemos saber que nossas preces de agradecimento pelo que passou e nossos rogos pelo Ano Novo serão ouvidos pelo Pai e aceitos. Ele nos responderá, sorrirá para nós através de suas bênçãos.
Nós talvez olhemos para o céu e cheguemos a retribuir o sorriso, agradecendo a resposta favorável do Senhor. Talvez - e muitas vezes isso acontece - não percebamos seu olhar para nós e não esbocemos uma oração como sinal de que somos gratos.
O Senhor, na eternidade, sorrirá novamente e continuará nos abençoando.

Um comentário: